Destino Brejo

Paraíba - Brasil
Top

Mari

O QUE ESPERAR EM MARI?

Os índios foram os primeiros habitantes do atual município de Mari, que teve por nome primário Araçá, devido à grande fartura dessa fruta na região. Com o tempo os índios dividiram espaço com os colonizadores de terras, dando início ao então povoado.

A história relata que o município se originou a partir da criação da estação ferroviária, havendo assim o povoamento do local. Os engenheiros que chegaram à região, concluíram o trabalho em 07 de setembro de 1883, inaugurando assim a estrada de ferro.

atrativo1

Entrada de Mari

Mari comemora sua emancipação em 19 de setembro e a mudança de seu nome também foi em referência a uma fruta, o Umarizeiro ou Marizeiro, dando origem à Mari.

O município orgulha-se de alguns festejos que reuni a muitos visitantes durante o ano e fomenta o turismo na região, a exemplo da festividade de São Sebastião e também a grande festa em celebração da emaciação de Mari.

Atrativos

história3

Igreja do Sagrado Coração de Jesus – Anteriormente uma capela, construída pelos primeiros moradores do município de Mari, sendo demolida em 1940 para em seu lugar ser erguida a Igreja do Sagrado Coração de Jesus. A igreja subiu a categoria de paróquia um pouco mais de uma década de sua construção, mais precisamente na data de 07 de outubro do ano e 1953 e desse modo, ocorreu juntamente o seu desmembramento da paróquia de Sapé.

Localização Av. Antônio de Luna Freire – Centro

Telefone: 3287-1154

Horário: Quarta-feira 19h || Quinta-feira da 7h às 11h e das 19h às 21h.

história1

Gruta Nossa Senhora de Fátima – As devotas de Nossa Senhora de Fátima da cidade de Mari, conseguiram por meio de eventos de organização própria, arrecadar a quantia necessária para construir a gruta em homenagem a Nossa Senhora. O ambiente é visitado por fiéis que fazem suas promessas e orações junto ao altar erguido.

No dia 13 de cada mês, há uma missa em homenagem a Nossa Senhora de Fátima, em que reúne os devotos, ao meio-dia, em rezas começando na gruta até a Igreja do Sagrado Coração de Jesus que fica localizada ao lado da gruta.

outro1

Estação Ferroviária de Mari – Construída em 1883 pela Great Western, a estação culminou no início do povoamento de Mari, sendo desativada na década de 80. Com o encerramento das atividades era costumeiro haver a demolição completa do local, no entanto onde funcionava a sua sede foi readaptada como o prédio da Associação de Cultura Poeta Zé da Luz, adquirindo preservação com o tombamento da construção.

Algum tempo depois, em 5 de janeiro de 1998, o mesmo prédio cedeu lugar a rádio comunitária Araçá Fm, a qual permanece em funcionamento atualmente.

Localização Av. Antônio de Luna Freire, s/nº – Centro

Contato – 99826-1450

outro2

Coreto Central – O coreto é um espaço de muitas lembranças para o município de Mari. Construído em 1959 pela idealização do primeiro prefeito eleito em Mari, passando na década de 80 por algumas reformas.

A fonte luminosa era a característica principal do coreto na época, onde reunia algumas apresentações musicais e a população de Mari, pois neste mesmo local foi instalada a primeira Tv pública do município, motivo de muita aglomeração dos moradores que se reuniam para assistirem em uma pequena tela a programação da Tv nas décadas de 60 a 90.

Em 2013 a fonte luminosa precisou ser desativada, mas em seu espaço, uma imagem do padroeiro de Mari, o Sagrado Coração de Jesus, foi edificada.

Localização Av. Antônio de Luna Freire– Centro

gengibre

Fábrica de Coquetel de Gengibre – A bebida existe desde o final do século XX aproximadamente, começando a ser produzida pelo José Alves, avó do atual dono da fábrica, Josinaldo, o qual retomou a tradição que por algum tempo esteve inativa.

A raiz gengibre é o diferencial da bebida que possui 10% de álcool, o proprietário exalta as funções medicinais do gengibre relatando sua função no combate a perda de apetite, má digestão e etc.

A bebida é 100% natural e pode ser encontrada para comercialização na própria fábrica que a produz.

Localização: Rua Severino Cláudio, 527 – Centro.

Funcionamento: Segunda-feira a sexta-feira das 7h às 11h e das 13h às 17h.

Contato – 83 99614- 7293. 

casadogeraldo

Casa do Geraldo – A granja Curral do Meio abriga a Casa do Geraldo que em cada cômodo exibe diversos itens que fazem parte da antiguidade, objetos do século passado que estão sendo conservados por gerações. Entre estes objetos estão radiolas, ferros de passar, pilões, cofres, itens de cozinha, baús, cristaleiras, poltronas e uma infinidade de coisas.

Na granja também há um espaço de funcionamento da casa de farinha que alguns dos plantadores de mandioca das proximidades, se utilizam do maquinário para fazer farinha e bejú.

Localização: Sítio Taumatá – Zona Rural 

Contato – 83 99600-1128 (Olga) || 99917-0532 (Marcondes).

Visitação por Agendamento.

Gastronomia

boteco

Boteco Prime

Localização: Rua 13 de maio, 100 – Centro. 

Horário de funcionamento: Terça-feira a domingo das 17h às 2h

Telefone: 83 9988-3418 / 99630-8050

Instagram: @botecoprime_mw

gastronomia2

Lanchonete Semente da Terra

Localização: Assentamento Tiradentes – Zona Rural.

Horário de funcionamento: Segunda-feira a sexta-feira das 14h às 20h e sábado a domingo das 15h às 22h.

Telefone: 83 99600-1128 / 99645-3304

Facebook: Semente da Terra

Café da manhã; almoço e jantar para até 20 pessoas por agendamento.

gastronomia1

Amigos do Açaí

Localização: Rua José Marques de Souza, 7 – Centro. 

Horário de funcionamento: Terça-feira a sexta-feira de 15h às 22h e sábado e domingo de 14h às 23h.

Telefone: 83 99637-2281

Instagram: @amigosdoacai_

restaurantedobelo

Restaurante do Belo

Localização: Rua João Sérgio Pereira, 253 – Bairro Pasto Novo.

Horário de funcionamento: Terça-feira a domingo de 11h às 20h.

Telefone: 83 99979-1816

Instagram: @restaurante_dobelo

2expediente

2º expediente 

Localização: Professor Lorival, 280 – Centro.

Horário de funcionamento: Segunda, quarta, quinta e sexta de 17h às 0h e sábado e domingo de 17h às 2h.

Telefone: 99818-5602 / 99603-1855.

Instagram: @segundo_expediente

Cultura

atrativo2

Casa da Cultura

Criada em 2017, a casa da cultura tem o intuito de unir e expor os artistas da terra juntamente com seus trabalhos. Os artesãos espalham suas peças que são feitas de crochê, tecido, madeira e outros materiais. Entre os artigos expostos estão bonecas de pano, bonecos de babau, miniaturas, panos de prato, peças em fuxico e uma verdadeira reunião de talentos de Mari, que encontrou nesse espaço um meio de valorizar os artistas plásticos, costureiras e artesãos em geral, moradores do município.

cultura1

Hélio do Babau

Mari é reconhecida como o centro de referência do teatro de bonecos de babau, o mestre Antônio do Babau era famoso por suas apresentações e levava sua arte e o nome de seu município nacionalmente. Hoje, o artista da terra é o Hélio que faz apresentações não apenas na cidade mais em localidades vizinhas também e em encontros culturais.  Mais conhecido como Hélio do Babau aprendeu a fazer seus bonecos sozinho e são 18 anos empenhados nesse ofício, com aproximadamente mais de 20 bonecos como personagens de suas histórias.

Contato – 83 99655-5195. 

cultura2

Ateliê Pintyartes

Adriano Alexandre mais comumente chamado de Júnior Pintyartes está entre tintas e pincéis há 15 anos, sendo a pintura em telas uma verdadeira paixão artística. Seus quadros retratam muito do seu amor por Mari e exibem as paisagens local, as histórias e monumentos, mas recebe também muitas encomendas de réplicas de animais, principalmente cavalos. O artista gosta de desenhar rosto de pessoas e guarda em seu ateliê muitas fotografias históricas de Mari.

Localização: Rua João Fernandes, 313- Bairro Silvino Costa. 

Contato – 83 99676-0504 / 99964-8829.

trio

Trio de forró pé de serra mariense

O trio existe desde 2009 e é formado por filhos naturais de Mari, possuem repertório para duas horas de show e tocam em qualquer tipo de evento. Composto por Carlinhos na sanfona, João Sardinha na zabumba e voz, Severino no triângulo e voz.

Contato – 83 99696-9728 / 99123-8411.

Evento do Município de Mari

Festa de São Sebastião – São três dias de festejos com missas e procissões com homenagens para o co-padroeiro do município. Acontece no centro de Mari tendo apresentações culturais na programação (Dia 20 de Janeiro).

São João Suassuna – O terceiro final de semana de junho reúne aproximadamente 3 mil pessoas em três dias de festas com shows musicais ao ar livre na rua João Suassuna.

Domingos Pé de Serra – A festa que homenageia o grande Dominguinhos é organizada por um grupo de amigos moradores de Mari, que toma a Av. José de Luna Freire com diversas bandas que tocam o tradicional forró pé de serra em três dias de festa no segundo fina de semana do mês de agosto.

Emancipação Política – Em setembro é dia de comemorar o aniversário de Mari em grande festa e, reúne cerca de 20 mil pessoas que se dividem em atividades com cavalgadas, exposição de animais, e grandes atrações musicais.

0